sábado, 27 de dezembro de 2008

Minhas desculpas!


Olá gente!

Peço desculpas por não atualizar o blog com mais freqüência, mas na verdade a Lucy está com problemas na net e fim de ano todo mundo está com a cabeça cheia de coisas para pensar. Acaba sobrando pouco tempo pra blogar né =/

Mas vim aqui basicamente pra explicar que esse blog foi criado para os amante de fanfics. Nós queremos expor nossas dificuldades e projetos, interesses ou simplesmente idéias que possam ser úteis a outros escritores.

Eu não sei se vocês conhecem a Josiane, uma das adms do blog, mas para os que não conhecem, ela é uma das melhores ficwriters que eu já conheci e vou dividir com vocês um artigo de autoria dela que é realmente muito útil para quem está começando agora no mundo das fanfics, ou para aqueles que desejam melhorar cada vez mais.

Espero que gostem ^^


"Fanfics"
A arte de respeitar o leitor
Por Josiane Veiga
Quando eu comecei no mundo dos fanfictions (isso na década de 90) este universo era quase desconhecido. Alguns nomes como Sandy Youko dominavam completamente o mundo fandom e eu, modestamente, comecei a postar meus trabalhos, sem grandes pretensões.
Quando não se tem muito conhecimento sobre fanfics, acabamos fazendo bobagens. Isso somado ao fato de que eu era imatura e extremamente jovem, a lambança dos meus primeiros trabalhos era extrema! Como eu não entendia a importância de algo bem feito, não me importava MESMO com aquelas coisinhas básicas como português correto, gramática e tal.
Mas com o tempo, este universo foi crescendo, e eu cresci junto. Então comecei a perceber que as coisas não eram como eu pensava. “Betas” começaram a fazer parte da minha vida. Nada do que eu escrevia era colocado na internet sem a leitura anterior de outras ficwrites.
Foi então que meu mundo rosa começou a desmoronar. Eu me achava fantástica, afinal, tudo que escrevia era bem aceito pelos leitores e elogiado. Mas com as betas vieram as críticas e a verdade: eu tinha muito que aprender.
Essa é a primeira coisa que quero mostrar a você neste singelo artigo: Você nunca vai crescer enquanto não for criticado!
Hoje, antes de postar, leio, releio, e tento de toda a forma deixar o mais coerente possível. E sabe por quê? Porque quero agradar. Porque sei que existem pessoas que realmente leiam o que você escreve e que esses bons leitores não se contentam com qualquer coisa.
As vezes entro então nos sites em que leio fanfics como o Animes Spirits, ffnet e Pandora e fico triste demais. Muitas novatas e (pasmem) até escritoras antigas, cometem os mesmos erros cometidos por mim no passado. Mas o mais grave da situação delas, é que maus leitores a iludem com elogios falsos e sem se importar muito com o conteúdo do seu trabalho, elas continuam no seu ciclo viciante de escrever textos sem se importar com a beleza das palavras.
Quem estiver lendo, atenção: NÃO IMPORTA O QUE SEUS AMIGOS FALEM, NÃO IMPORTA QUANTOS COMENTARIOS VOCÊ RECEBA, se seu fic não tem o mínimo de coerência e português correto, ele não esta bom. A concordância verbal é vital! Por isso, releia mil vezes... e depois de mil vezes, passe para alguém que goste de ler e peça sugestões. Se não tiver quem faça isso, coloque no “Word” e corrija os erros. Isso é o mínimo que você pode fazer!
Leia muito também. Não só fics! Leia livros! Não se satisfaça com aqueles que as professoras te obrigam a ler! Leia mais do que o exigido. Não conheço ninguém que escreva bem se não for um leitor voraz. Sem leitura, seu pensamento não se expande e você não cresce, mesmo que for uma pessoa muito criativa! Tenha no seu currículo o compromisso de ler: “Senhora” de José de Alencar, “O tempo e o vento” de Erico Veríssimo e qualquer livro de Alexandre Dumas. Isso é um básico. Existem muitos outros autores maravilhosos, como Moacyr Scliar, Fernando Veríssimo e tal, mas os três citados são simplesmente compromisso de qualidade que você dará a si mesmo!
Não se satisfaça com reviews do tipo:“
Continuaaaaaa”
“Ta lindo”
Porque normalmente isso indica que a pessoa mal leu seu trabalho. Você TEM que receber reviews enormes, SIM! E de preferências com criticas construtivas! E não leve a mal quando assim acontecer... porque se a pessoa se propôs a te criticar, é sinal que você pode crescer! Se receber reviews positivos, então, ótimo... mas nunca ache que chegou ao seu máximo.
Quando eu escrevia para o antigo MIPS, a autora PIPE (quem gosta de Sant Seiya com certeza sabe de quem eu estou falando) retirou TODOS os meus fanfics do site e me fez arrumar eles no português correto, sem a maldita linguagem de chat. Isso salvou minha vida de ficwrite! Eu agradeço a ela! Porque isso sim é incentivar alguém a crescer! Ela não ficou “puxando o saco”. Ela disse que não estava bom, mostrou o erro e desta forma, eu nunca mais o cometi!
Opa! Lembrei de algo!
Você esta escrevendo uma história? Então respeite quem esta lendo! Nunca, em hipótese nenhuma (e isso inclui o fim do mundo) escreva em linguagem de MSN! Isso é o mesmo que você dizer ao seu leitor:“Escrevo o que eu quero... se você não gostar, problema seu.”
O problema não é do leitor! Ele pode achar bons ficwrites as pencas pela net. O problema é seu, que esta mostrando que alem de relaxado(a) com seu próprio trabalho, não se importa com seus leitores, e com o tempo, você escreverá para as paredes, porque ninguém vai ler nada com o seu nome!
E pra finalizar, nunca esqueça. Escrever é mais que um ato de reflexão, lazer... é colocar sua alma em palavras, então, tudo que faça... não precisa ser perfeito, mas dê o seu melhor!
~//~
Muito Bom não acham?? xDD
Beijos
Deh

5 comentários:

Aninha disse...

oi!

Eu espero que a gente tenha sim, bastante assunto para discutir!

Mas depois desse artigo acho que vou ter que reler todas as minhas fics, antes de mostrá-las!

Eu posto no fanfiction...Mas, sinceramente, eu nunca reviso...Eu sei, é um erro grave, e eu entendo! Só que gramática não é o meu forte, e eu não comecei a escrever para os outros, eu comecei a escrever para soltar sentimentos que eu costumava esconder....

Agora com o tempo eu entendo a importancia do português correto, me esforço para cometer o minimo de erros possiveis, mas ainda tenho sérios défits em gramática...

Ah! E eu adorei o artigo! Concordo com o ponto de vista dela! E me fez refletir...

Boas festas para vocês!!

Que 2009 seja maravilhoso para todas vocês!!

Beijoks

*~*Deh*~* disse...

Aninha, que bom que ajudou!

Esse artigo me ajudou muito também, pode acreditar!!

Feliz 2009 pra vc tbm lindona xDD

Josy-chan disse...

Oie amada^^

Obrigada pelo elogio^^ realmente no começo eu também era assim... gostava de escrever sem me importar o que...mas com o tempo a gente percebe o quao importante é algo bem escrito^^

Mil bjks

Luciane Rangel disse...

Esse artigo da Josy é simplesmente fantástico. Devia ser leitura obrigatória de todo ficwriter iniciante... E dos veteranos também!

Bruna / Chiisana Hana disse...

Um post enorme, um bom post enorme. Vamos ver se consigo comentá-lo por completo.
Primeiro, concordo com quase tudo que foi dito. Tem que cuidar mesmo, tem que reler a fic mil vezes, procurar deixar o português o mais correto possível, mas é óbvio que alguma coisa sempre pode passar batida, afinal ninguém é perfeito.
Reviews do tipo "tá legal, continua!" são realmente um saco e fico com a mesma impressão que você disse: a pessoa leu a fic sem atenção. Passou os benditos olhinhos no texto e não entendeu porcaria nenhuma.
Só discordei um pouquinho do finalzinho do post. Também acho péssimo escrever em linguagem de internet. Até numa fic que era sobre um chat eu procurei escrever mais ou menos direitinho. Uma fic bem escrita é essencial. Mas em questão de enredo acho que o "Escrevo o que eu quero" deve prevalecer. Nenhum problema quando o leitor deixa um review falando que gostaria de tal personagem fosse assim, fizesse assado. Quando leio também fico imaginando que rumos eu daria ao texto se ele fosse meu. Só que tem leitor que fica mandando emails quase exigindo que você mude o foco da sua história, que faça o que ele quer. Nesses casos eu sou irredutível: só escrevo o que eu quero, sim, e problema de quem não gostar.
No mais, adorei o blog!